Vivenciando o  Outono 2018.

­ Mabon

Decore seu lar com cones, ramos de Carvalho, pinho, cipreste,
espigas de milho, raminhos de trigo.

Também coloque uma pequena cesta rústica com folhas secas de várias cores e formatos.

Folhas caem…

O dia esfria, A Deusa puxa seu manto sobre a Terra a seu redor. Enquanto você, ó Grande Sol, caminha em direção ao oeste Para a terra do encantamento eterno envolto no frescor da noite .As frutas amadurecem, As semente caem, As horas do dia e da noite se equilibram.
Ventos frios sopram do norte num lamento. Nesta aparente extinção do poder da natureza, Ó Deusa Abençoada, Eu sei que a vida continua. Pois não há vida sem morte.

“Ó Graciosa Deusa da fertilidade, semeei e colhi os frutos de
meus atos, bons e ruins. Conceda-­me a coragem para plantar
sementes de prazer no ano vindouro, afastando a miséria e o
ódio. Ensina-­me os segredo de uma existência sabia neste planeta.”

Flores: Madressilva, Malmequer, Mirra, Flor de
Maracujá , Feixes de trigo, Crisântemos, Cravos,
Roseira Brava, Malmequer, e Girassol.

Comidas Tipicas: Pão de Milho, Milho, Abóbora e
feijões cozidos, Leite, Maçãs, nozes, castanhas,
amêndoas, amoras pretas, cravo, além de pães, tortas
e outros pratos feitos a partir dos frutos da estação.

Bebidas típicas: Vinhos, cervejas, sidras, além de
sumos e outras bebidas preparadas a partir dos
frutos da estação (em especial a maçã).

Incensos: Cravo, patchuli, mirra, maçã e benjoim.

Cores: Castanho, verde, laranja e amarela ­ cores
outonais no geral.

Cristais: Cornalina, lápis-lazúli, safira e ágata
amarela.

Abençoando a Vida

Ritual para encantar sua varinha mágica:

Segure-a em suas mãos e verbalize: “Fogo, Terra, Ar e
Água. Ventre da vida planeta Terra é preciso a morte
para renascer. A Grande Roda das Estações, gira, o
fogo sagrado do Sabbat queima. Somos todos
crianças da Deusa e para ela devemos retornar.”
Mergulhe a sua varinha no cálice com água e, depois,
no prato de sal e diga:
“Abençoada seja a Deusa do Amor Gaia, criadora da
natureza livre. O calor do verão deve agora terminar,
a grande roda solar girou novamente estamos prontos para vivenciarmos a calma e a quietude. Não existe o medo. Existe, apenas o princípio maior da criação, o equilíbrio perfeito em nossos corações.”

Felicidades!

Um grande abraço.

Monica

 

Gostou do artigo? Achou-o curioso? Dê um curtir para ele!