MÃE CÓSMICA !

VENTRE ONDE NASCEMOS !

ESTRELAS E CAMINHOS.

ONDE VIVEREMOS ETERNAMENTE…

ESTAREMOS SEMPRE VIAJANDO , ALMAS CIGANAS

E NA HORA CERTA,

NO TEMPO CERTO:

ESTAREMOS TRANQUILOS…

ESTAREMOS PRONTOS!

Esta série de livros conta todo o desenvolvimento de uma nova civilização em um planeta chamado Darkover, e também todo o confronto entre essa
Darkover é o planeta ficcional que dá nome à série de livros de fantasia e ficção científica escritos por nossa querida Marion Zimmer Bradley.
Darkover é o único planeta habitado por seres humanos dos sete que orbitam em torno da estrela vermelha gigante Cottman.
Darkover tem quatro luas: Liriel, Kyrrdis, Idriel e Mormallor. Estas variam quanto à cor e tamanho.
O tamanho de Darkover é semelhante ao da Terra, embora tenha uma menor força de gravidade devido à relativa falta de metais e a uma maior percentagem de oxigênio na atmosfera. A sua órbita é mais lenta que a da Terra, equivalendo um ano darkovano a quinze meses terrestres.Esta série de livros conta todo o desenvolvimento de uma nova civilização neste planeta e também todo o confronto entre essa civilização, depois de já desenvolvida, com os habitantes do planeta Terra.
Darkover é um planeta que vive permanentemente na Idade do gelo, com apenas uma pequena faixa equatorial continental quente o suficiente para permitir uma limitada agricultura, pesca e criação de gado. O clima do planeta é rigoroso com as regiões mais quentes do planeta sem neve apenas durante algumas semanas..

Quando os seres humanos aterraram pela primeira vez em Darkover, encontraram um mundo ancião já habitado por outras formas de vida inteligentes.

Um dos temas que fundamenta o expressar desta serie é o laran, termo dado ao conjunto de dons psíquicos que certos Darkovan possuem.

Laran é um dom empático que pode se expressar na telecomunicação extra sensorial na telecinesia cibernética, ou seja nas infinitas capacidades da mente humana.

As manifestações de Laran: As primeiras manifestações de laran se manifestam de forma difusa mescladas às emoções do telepata .O descontrole da empatia excessiva , o aflorar continuo das emoções faz com que o telepata seja treinado .

No nível básico, o laran parece acompanhar uma extensão de percepções. Por exemplo: um telepata é capaz de seguir ” correntes de energia” no corpo humano, essas correntes são de fato os conhecidos meridianos descritos em teorias de Iogue..

O próximo passo é o caminho da cura, dom descrito de varias formas em diversos dos romances de Darkover, assim como a visão clara do passado e do futuro.

A Mecânica Matriz:

Mecânica Matriz é uma teoria baseada no conhecimento empírico de Darkovan concernente o uso de laran e matrizes. Resumindo é uma coleção de técnicas que permite a uma pessoa que possui laran usar sua energia psíquica e telepática com propósitos telecineticos.

O ponto principal da teoria é o conceito de ergons.

A parte do cérebro que controla a capacidade psíquica , emite ondas especiais: ergons.

Esses são amplificados por uma matriz e o fluxo resultante pode ser utilizado para manipular a realidade.

Em um círculo de telepatas, cada membro amplifica seu fluxo individual que ele possui na sua matriz, então direciona o fluxo do resultado ao Guardião.

O Guardião organiza e canaliza esta energia recebida antes de passa – lá para uma matriz maior no centro do círculo. Depois de amplificada por esta matriz, este enorme fluxo de energia pode ser utilizado para propósitos diversos : como armas, transporte, combustível, mineração, manipulação de genes, construção de castelos e edifícios, etc.

Aparecimento do Laran

O laran apareceu a primeira vez em Darkover, através do vento fantasma, que carrega no ar o pólen do kireseth, uma planta nativa que causa loucura, aflorando as percepções telepáticas latentes nos seres humanos.

Seus efeitos são devastadores, uma vez que eles não estão acostumados às experiências causadas por seus dons .

Existe ainda os chierris, raça mais antiga de Darkover, possuidores de dons psíquicos potentes.

O contato entre seres humanos e chierris seria a explicação do porquê apenas alguns darkovans possuem laran.

Ao longo da serie este dom leva personagens ao “céu e inferno”deixando -nos claro que seja qual for a magia ela deve ser coroada de ética e respeito.

Durante os primeiros anos da exploração e colonização espacial, os terrestres acidentalmente instalaram uma colônia em Darkover, tendo o contacto entre os colonizadores e a Terra sido perdidos. Etnias e ideologias dos colonizadores foram se misturando, desenvolvendo uma cultura darkovana independente e distinta. O genoma humano também se expandiu, à medida que os colonizadores e os seus descendentes procriavam com os nativos Chieri.

Você vai adorar esta Ficção!

Gostou do artigo? Achou-o curioso? Dê um curtir para ele!